https://www.viva-awa.com/tag www.bachelortreats.com

Fisioterapia Preventiva para esportes Confira o artigo do Fisioterapeuta Junior Arrais

As atividades físicas como todos sabem são benéficas para a saúde do homem, porém o que muitos não sabem é que os benefícios vem apenas depois de sua prática, pois os mecanismos de sua execução tem componentes altamente lesivos, especialmente tratando-se de esportes de alto rendimento, que ao contrário do que ainda é muito associado, não tem “nada haver” com saúde. A prática de modalidades de alto rendimento leva ao atleta a níveis de consumo físico que muitas vezes são acima de sua capacidade, que acabam se tornando fatores de risco e lesivos a saúde do mesmo. Por isso é muito comum vermos um volume alto de diferentes tipos de lesões e comumente muitos quadros de repetição de lesões já sofridas anteriormente.

futebol

O papel da Fisioterapia Preventiva neste campo é contribuir com o atleta para que ele consiga ao decorrer de sua carreira competir em alto nível com o menor número de lesões o possível, ou caso venha desenvolver que seja em um grau menor, no caso menos lesivo a sua saúde e quando possível até mesmo evitar que desenvolva alguma, assim elevando o praticante a um nível de rendimento superior em treinos e competições. Para isso o fisioterapeuta tem que conhecer a fundo a modalidade ao qual seu paciente está inserido, pois assim será capaz de avaliar os pontos principais e individuais que possam vir a ser lesivos a curto, médio e longo prazo, para que desta forma possa traçar o programa ideal dentro das necessidades identificadas.

É um trabalho detalhista de coleta de dados que avalia o esporte praticado (corrida, futebol, vôlei, basquete), o tipo de esporte (individual ou coletivo, de contato ou impacto), as necessidades da prática do esporte (grupos musculares mais utilizados, posturas necessárias, movimentos mais utilizados), características físicas do atleta (idade, gênero, mecanismos mecânicos desenvolvidos naturalmente), condicionamento físico (capacidade cardiorrespiratória, força muscular, flexibilidade), índice lesivo (quantidades de lesões já sofridas em seu histórico), histórico de lesões (quais as lesões já teve e seus níveis),

Lesões sugestivas (lesões mais comuns no decorrer de sua prática), a partir destas informações definidas o fisioterapeuta aplicará estratégias de prevenção individualizada por um período pré-determinado  e posteriormente reavaliando, comparando  e desenvolvendo trabalhos para diminuir os déficits, potencializar as qualidades existentes para que seu corpo trabalhe de forma mais sincronizada possível, para que além de diminuir os riscos de lesão o atleta também possa ter ganhos significativos de performance.

Bom, neste mês vimos que “ganhamos” mais um aliado na prevenção e manutenção de “nossa” saúde, então vamos aproveitar para somar a qualidade de vida clínica junto com a física e psicológica? Um bom proveito a todos!

 

 

 

Comentários

www.sexxxotoy.com/tag-best/
×